História Celgene Brasil

Cientista, computador, tela

A Celgene é uma companhia biofarmacêutica global de excelência, focada na descoberta, desenvolvimento e comercialização de terapias inovadoras para pacientes com câncer, doenças imunoinflamatórias e outras necessidades médicas não atendidas.

A história da Celgene começou em 1986 e inclui oportunidades inesperadas, a coragem de aproveitar essas oportunidades e a visão de transformar essas oportunidades em progresso. Em última análise, a Celgene espera transformar alguns dos mais formidáveis desafios de doenças do século XXI em quadros administráveis.

A Celgene possui operações em mais de 60 países, vendas em mais de 70 países, fábricas nos Estados Unidos e Europa, centros de pesquisa em Warren (NJ), Bedford (MA), San Diego, São Francisco (CA) e Sevilha (Espanha) e atualmente possui aproximadamente 7.000 funcionários em todo o mundo.

No Brasil, a Celgene possui um escritório administrativo em São Paulo desde 2012 e um Laboratório de Controle de Qualidade operando de acordo com as normas de BPF locais e requerimentos Celgene. Ainda, possui liderança em Programas de Gestão de Risco para garantir o acesso seguro aos pacientes.

Em meados de 2017 ao início de 2018, a ANVISA concedeu o registro dos três primeiros medicamentos da Celgene no Brasil: Abraxane® [paclitaxel (ligado a albumina)] para o tratamento do adenocarcinoma de pâncreas metastático, Revlimid® (lenalidomida) para o tratamento do mieloma múltiplo e da síndrome mielodisplásica e Otezla® (apremilaste) para o tratamento da psoríase e artrite psoriásica.

Esses são os primeiros produtos registrados da Celgene Brasil e, em um futuro bem próximo, novos tratamentos estarão disponíveis para a população brasileira.

Visite a página da História da Celgene Global para ver a linha cronológica desde a nossa fundação até nosso crescimento exponencial nas três últimas décadas.